Blog

Blog

Últimas informações sobre o Quintana

Velas naturais e renováveis, por Heide Pfeiffer, no Quintana

Velas 100% naturais, feitas com cera de abelhas. Este é o trabalho da artista Heidi Pfeiffer, que produz este item milenar artesanalmente, com riqueza em detalhes e valorização da natureza. Ela estará presente no Quintana nesta quinta-feira, 5 de outubro, para apresentar seu trabalho aos clientes e falar mais sobre este universo totalmente natural e renovável. Ela participa também de uma oficina em 21 de outubro, às 11h30, voltada ao público infantil e adulto, em meio à programação cultural do Quintana para o Mês das Crianças.

As velas de cera de abelha produzem ionização negativa, que limpa o ar de partículas como poeira, pólen, vírus, fungos, entre outros, o que contribui para alergias e problemas respiratórios. Não emitem fumaça de fuligem, proporcionam um aroma fresco, que lembra a doce fragrância do mel, que contribui ao relaxamento e equilíbrio.

De mãe para filha

Produzidas desde as primeiras civilizações, as velas ganharam um novo caminho ao serem produzidas com cera de abelha na Idade Média, o que deixou de lado o cheiro desagradável e a fumaça, e trouxe novas possibilidades ao produto milenar.

A história de Heidi com as velas começou por meio de sua mãe, que começou a desenvolver velas artesanais com um processo simples e rudimentar. Aos poucos, sua mãe foi desenvolvendo ao lado de seu pai ideias de moldes e aprimoramento, o que trouxe as velas maciças e com formatos diferentes de relevo. Por meio de sua mãe, Heidi aprendeu a técnica, e hoje leva adianta este trabalho totalmente manual, artesanal e natural, que traz luz e harmonia às pessoas.

Serviço: Abertura “Velas”, por Heide Pfeiffer. Quinta-feira, 5 de outubro, das 11h30 às 15h30. Oficina Mês das Crianças no dia 21 de outubro, às 11h30. Quintana Gastronomia. Av. do Batel, 1440. Informações: (41) 3078-6044. www.quintanagastronomia.com.br

Ações de literatura, ilustrações e sustentabilidade no mês das crianças no Quintana

Neste sábado, 30 de setembro, o Quintana inicia a temporada de ações culturais voltadas ao público infantil, em meio ao mês das crianças. O espaço gastronômico recebe as obras “Cadê o Fubá?” e “Leo, a lagarta sonhadora”, da editora InVerso, com contação de histórias de forma lúdica e criativa. A oficina é gratuita e começa às 11h30, no Quintana Gastronomia.

Na trama assinada, a autora conta com rimas, sons e cores vivas para apresentar o mistério – onde está o fubá que seria usado para fazer um delicioso bolo? As crianças utilizarão massinhas de modelar para acompanhar a história e fazer, de forma lúdica, a receita. Para encerrar, a idealizadora do Quintana Gabriela Vilar de Carvalho apresentará histórias da vida na cozinha, além de levar a parte mais aguardada – o bolo!

As ações culturais têm continuidade no domingo, 1.º de outubro, data na qual o Quintana recebe novamente a poetisa Yane Kritski. Ela lançará o livro “A lucidez é dura minha filha”, que trata-se de uma narrativa com poesias que marca como a artista deu seus primeiros passos no mundo da literatura. Yane irá interagir com o público por meio da poesia de improviso, na qual o leitor apresenta seis palavras, que são utilizadas pela poetisa para criar um texto em apenas seis minutos. A ação encantou os clientes nos últimos fins de semana no Quintana e promete atrair ainda mais pessoas neste domingo.

No dia 12 de outubro, o Quintana recebe o artista Rogerio Borges, que irá apresentar ao público infantil uma oficina de ilustrações – e ensinará a todos como desenhar um dragão. O mês conta também com oficina sobre abelhas nativas sem ferrão com o meliponicultor Benedito Antônio Uczai; sobre compostagem e reciclagem; e outros pilares do Quintana Gastronomia. Participe!

Serviço: Mês das Crianças no Quintana Gastronomia. Abertura neste sábado, 30 de setembro, das 11h30 às 13h30. Ações aos sábados do mês de outubro, das 11h30 às 15h30, e também na quinta-feira, 12 de outubro, das 11h30 às 13h30. Mais informações e inscrições: (41) 3078-6044 ou pelo e-mail quintanagastronomia@gmail.com. www.quintanagastronomia.com.br.

Urban Sketchers abrem exposição no Quintana neste sábado, 23 de setembro

Acontece neste sábado, 23 de setembro, a abertura da exposição “Sketchers no Quintana”, produzida pela comunidade Urban Sketchers de Curitiba. Os trabalhos são assinados por 28 artistas, que produziram seus desenhos ao ar livre e retratam cenas inspiradoras da vida urbana. Eles estarão presentes na abertura, das 11h30 às 14h30, para atender o público e contar mais sobre seu trabalho. A mesa gastronômica do Quintana também será especial, com uma seleção de pratos que refletem na alimentação algumas das inspirações retratadas nas ilustrações da mostra.

No Quintana, o grupo realizou um encontro no mês de maio deste ano para dar os primeiros passos dessa parceria, que culmina agora com o lançamento da exposição coletiva. “Assim como o Quintana, o movimento é um refúgio. Ambos se conectam com o que é natural, aromático, táctil e sensorial”, explica o artista Fabiano Vianna. Sobre o projeto, ele conta que os sketches vão além de um registro pontual, como o da fotografia. “Dentro de cada sketch dormem centenas de fotografias. Os uskers levam para suas casas a cidade na forma de sketches”, reflete.

O Urban Sketchers trata-se de uma comunidade de correspondentes que reúne pessoas em todo o mundo, todas com o objetivo de produzir e compartilhar desenhos feitos em locação. O grupo nasceu em 2008, criado pelo jornalista espanhol e residente dos Estados Unidos Gabriel Campanario. No Brasil, a versão nacional surgiu em 2011, sendo que em 2015 formou-se o grupo em Curitiba. O grupo faz também parte do roteiro da Bienal de Artes de Curitiba, e abre exposição de projeção de imagens no Pátio Batel no dia 26 de setembro.

Cultura no Quintana

A exposição marca a sexta grande mostra em cartaz no Quintana em 2017, com curadoria artística de Birgitte Tümmler, que já recebeu a artista plástica Andrea Horn, o fotógrafo Daniel Castellano, o artista plástico e ilustrador Rogerio Borges, o ceramista Gilberto Narciso, a escultora Aline Albuquerque e o artista gráfico Osvalter. Há 9 anos, o espaço fomenta ações culturais e sustentáveis em meio à gastronomia, e busca sensibilizar clientes com estímulos sensoriais.

Serviço: “Sketchers no Quintana”, por Urban Sketchers. Em cartaz entre 23 de setembro e 15 de novembro. Abertura sábado, 23 de setembro, das 11h30 às 14h30. No Quintana – Av. do Batel, 1440 – Batel – Curitiba. Informações e reservas: (41) 3078-6044. www.quintanagastronomia.com.br.

 

Jantar harmonizado Bodebrown/Quintana marca lançamento de novo rótulo; garanta seu lugar!

A premiada cervejaria Bodebrown lança a segunda criação da série especial Bière de Table, voltada a celebrar a união entre boas mesas e bons copos, por meio de parcerias com chefs consagrados. Trata-se da Puela Malum Strong Golden Ale com Jabuticaba, cuja receita foi desenvolvida de forma colaborativa entre o mestre cervejeiro Samuel Cavalcanti, da Bodebrown, com o sommelier de cervejas Fabricio Thomaz e a chef Gabriela Vilar, ambos do Quintana Gastronomia. A cerveja estreia com um jantar harmonizado especial no Quintana, no dia 10 de agosto, quinta-feira. O jantar completo com uma garrafa da cerveja sai a R$ 110 (taxa de serviço inclusa). O evento faz parte da programação do Festival da Cultura Cervejeira Artesanal, da Procerva, que acontece em Curitiba entre 5 e 13 de agosto.

Acesse o site da loja da Bodebrown neste link e garanta seu ingresso!


Puela Malum, de característica belga, tem um grau alcoólico de 9,7%, contando com especiarias, notas sutis de jabuticaba nativa da Mata Atlântica, equilibrado com notas florais e frutadas, como pera. “A receita conta com três leveduras belgas distintas, que realçam estas notas, e uma pitada de brasilidade com a jabuticaba”, comenta Cavalcanti. “Indicada para o inverno, é uma cerveja forte, comumente degustada na Bélgica”.

O menu do jantar é todo exclusivo, elaborado para esta noite. A entrada do jantar conta com Salada de frutas secas, grãos e ervas, com damasco, maçã, ameixa, uva, castanha de caju, ervilha, grãos, feijões paranaenses, embebidos em azeite extra virgem Vale Fértil e vinagre artesanal orgânico de caqui de Bocaiúva do Sul. “O trabalho com grãos é uma de nossas assinaturas”, explica Gabriela. Já no principal, há Carbonnade Flamande, cubos de alcatra caramelizados com cebola, bacon, peras e cerveja, acompanha pão medieval com especiarias e mostarda nobre. “O Carbonnade é um típico prato belga, com o qual trabalho pela primeira vez de maneira exclusiva, em uma nova receita”, comenta a chef. “O toque frutado dá um sabor especial e harmoniza com a cerveja da noite”. Como sobremesa, torta de queijo, doce de leite cremoso, flores e kefir.

Confira o cardápio completo da noite:

Menu criado especialmente para harmonizar com a cerveja Puela Malum, da Bodebrown, rótulo concebido para o projeto Biére de Table por Samuel Cavalcanti, Fabricio Thomaz, Gabriela Vilar, equipe Quintana e Bodebrown.

Para começar

Água Serra da Graciosa aromatizada com pera, gengibre, cardamomo e anis estrelado

Aperitivo Quintana

Entrada

Salada de frutas, grãos e ervas. Damasco, maçã, ameixa, uva, castanha de caju, ervilha, grãos, feijões paranaenses, embebidos em azeite extra virgem Vale Fértil e vinagre artesanal orgânico de caqui de Bocaiúva do Sul,

Principal

Carbonnade Flamande. Cubos de alcatra caramelizados com cebola, bacon, peras e cerveja, acompanha pão medieval com especiarias e mostarda nobre.

Sobremesa

Torta de queijo, doce de leite cremoso, flores e kefir.

Para depois

Licor de jabuticaba do nobre mestre selvagem Samuel Cavalcanti.

Crédito das fotos: Guilherme Glück

“Papel”, por Osvalter, abre nesta quinta-feira no Quintana

A celebração de aniversário de 9 anos do Quintana Gastronomia será especial. O espaço recebe a exposição “Papel”, assinada pelo artista gráfico Osvalter Urbinati, que apresenta trabalho autoral e inédito feito com colagens e serigrafia. A abertura acontece nesta quinta-feira, 13 de julho, a partir das 11h30, com a presença do artista e mesa gastronômica com opções criadas especialmente para a data. Na ocasião, a casa irá receber outra ação inédita – a Quitanda Quintana, em parceria com os agricultores autônomos da Chão de Gaya, que irão oferecer produtos orgânicos para venda especial no espaço gastronômico.

Para festejar mais um ano de vida do Quintana, a exposição de Osvalter fez todo o sentido. Foi ele o responsável por criar ilustrações de Mario Quintana que foram plotadas nas paredes, arte que desde a abertura da casa encanta os clientes. Anos depois, ele assinou a reformulação gráfica e nova identidade da marca, que começou a entrar em cena no início de 2017. A mostra “Papel” evidencia o que ele mais gosta – colagens e sobreposições feitas com pedaços de papel encontrados em suas caminhadas, que se transformaram em novos desenhos e voltaram ao papel. “A serigrafia foi um meio que encontrei para devolver ao papel o que dele veio. Fechando um ciclo. Cada impressão é única, personalizada. É um processo, é arte e é gráfica”, explica o artista.

Em “Papel”, ele pratica um “exercício de libertação”. “Esses rostos, formas e expressões vêm até mim sem que eu peça. É como ser um criador de vários pequenos mundos”, conta Osvalter. O processo, desde a primeira coleção de recortes de papel com texturas diversas durou 13 anos. “Desenhar é ver, é desenhar com o cérebro”, define.

A exposição marca a sexta grande mostra em cartaz no Quintana em 2017, com curadoria artística de Birgitte Tümmler, que já recebeu a artista plástica Andrea Horn, o fotógrafo Daniel Castellano, o artista plástico e ilustrador Rogerio Borges, o ceramista Gilberto Narciso e a escultora Aline Albuquerque. Há 9 anos, o espaço fomenta ações culturais e sustentáveis em meio à gastronomia, e busca sensibilizar clientes com estímulos sensoriais.

Serviço: “Papel”, por Osvalter. Em cartaz entre 13 de julho e 13 de setembro. Abertura na quinta-feira, 13 de julho, das 11h30 às 14h30. No Quintana – Av. do Batel, 1440 – Batel – Curitiba. Informações e reservas: (41) 3078-6044. www.quintanagastronomia.com.br.

 

Após grande sucesso, Andrea Horn estende temporada no Quintana

Arte e cultura são parte essencial do Quintana. No último mês, tivemos a oportunidade de ter nossas paredes estampadas com as obras de Andrea Horn, artista natural da cidade de Luzerna, no interior de Santa Catarina, que encanta por seu uso de cores, a profundidade nos olhares, e magnificência de seu trabalho. Esta semana marca a última chance de ver de perto suas obras originais no Quintana – que permanecem em cartaz só até 12 de julho – e adquirir uma das 20 reproduções de suas telas produzidas para a exposição, pelo preço de R$ 230 cada.

Desde cedo, a menina que nasceu em berço cercado de artistas foi incentivada a desenvolver seu talento. Seu pai, Neri, sempre gostou de desenhar, e reproduzia imagens coloridas em madeira pintada à mão para decorar a casa, os quartos, fazer enfeites de bolo nos aniversários e brinquedos para as crianças. Já a mãe, Lola, encontrava sua arte nos tecidos, e os transformava em roupas coloridas e repletas de detalhes. Não é para menos – mesmo em família numerosa, todos estavam sempre impecáveis. Este universo fez com que Andrea desenvolvesse desde cedo o amor pelas artes manuais, além de fisgar a veia artística por meio também da música. A partir disso, ela seguiu carreira como cantora e também ilustradora para editoras de livros.

Foram muitos experimentos, riscos e tentativas até que ela encontrasse o seu caminho no mundo das artes. E isso aconteceu ao desenvolver uma técnica, “mosaico de tinta”, que ela aplica na exposição em cartaz no Quintana, chamada “Plenitude em Pontos”. E isso aconteceu de surpresa. Ao pintar uma Nossa Senhora, e preencher sua auréola com pontos de tinta, a artista percebeu que tal proximidade lembrava um mosaico. Ao preencher o rosto, ela percebeu que encontrou aquele pequeno detalhe que faltava para a captar de vez a este mundo. Nasceu a técnica que perdura na produção de mais de 80 obras e que representa esta fase ainda mais rigorosa, feliz e vibrante. Por meio delas, a artista leva a alegria e harmonia para que as observa, e “transforma o mundo através do belo”.’

Texto: Angela Antunes

Curadoria: Birgitte Tümmler

Idealização: Gabriela Vilar de Carvalho

 

 

Abertura de “Seres Iluminados”, por Aline Albuquerque, traz interação artística ao Quintana

Acontece em 24 de junho, no Quintana, uma ação multicultural com a artista Aline Albuquerque. Ela apresenta a mostra “Seres Iluminados”, em cartaz no espaço, e apresenta suas facetas artísticas em diversas áreas com performances e interação com o público durante o almoço, das 11h30 às 16 horas. O cardápio do dia também será especial, e inspirado nas obras e personalidade de Aline.

A mostra dá continuidade ao calendário de exposições 2017 do Quintana, idealizado por Gabriela Vilar, que há nove anos fomenta ações sustentáveis e culturais em meio à gastronomia. A curadoria das exposições do espaço, que já recebeu neste ano artistas como Rogério Borges, Daniel Castellano, Andréa Horn e Gilberto Narciso, é assinada pela artista plástica Birgitte Tümmler.

Aline Albuquerque

A artista aborda a humanidade por meio do hiper-realismo, e encontra identidade única em cada uma de suas peças. Por meio de seu trabalho, faz o espectador confundir obra e realidade. A paranaense, formada em Escultura pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná, trabalha atualmente com educação, e ministra cursos e aulas. Trabalha com arte-educação no Colégio Integral e com música pelas bandas Sersônica e Matilda.

Sobre Birgitte Tümmler

Nascida em Copenhague, na Dinamarca, a artista visual Birgitte Tümmler veio a Curitiba ainda criança e já assume seu amor pelo Brasil. Sua maneira aberta de ver o mundo e sua crença nos valores que as artes e a cultura têm para fortalecer laços humanos e anímicos fazem com que busque replicar esta filosofia, seja por meio de seus próprios trabalhos, e também no incentivo e parceria com outros agentes culturais.

Serviço: “Seres Iluminados”, por Aline Albuquerque. Abertura sábado, 24 de junho, das 11h30 às 15h30. Av. do Batel, 1440 – Batel. Informações e reservas: (41) 3078-6044. www.quintanagastronomia.com.br.

Receita Camicado: Pilaf Quintana!

A chef Gabriela Carvalho apresentou na última quinta-feira, 18 de maio, uma receita especial do Pilaf Quintana durante aula-show na inauguração da Camicado, no Shopping Pátio Batel. Abaixo, você confere a receita completa para replicar o prato em casa! Não esqueça de registrar e marcar o @quintanagastronomia em suas redes sociais!

Pilaf Quintana com berinjelas e sementes

Tempo de preparo: 40 minutos

Nível de dificuldade: Fácil

Rendimento: 4 a 6 pessoas

Custo estimado: R$ 20

Ingredientes:

– 2 berinjelas

– 2 cebolas

– 150 gramas de arroz (cateto)

– Caldo de legumes e ervas (cascas e talos orgânicos)

– 1 colher de chá de açafrão (fresco ou pó)

– 1 colher de chá de curry em pó (ou outro masala)

– 1 colher de chá de páprica

– 1 maço de ervas frescas (a gosto, coentro, salsinha, cebolinha)

– ½ xícara de castanhas de caju

– ½ xícara de sementes de gergelim e girassol

– 100 ml de azeite de oliva (ou ghee)

– 1 colher de sobremesa de alho triturado

– Sal e pimenta à gosto


Preparo:

Corte as berinjelas em pedaços e tempere com sal. Doure metade do alho com azeite de oliva em uma frigideira, e depois adicione os pedaços de berinjelas em fogo alto. Refogue. Caso prefira, você pode também fazer este processo levando as berinjelas, o alho dourado e azeite em uma travessa ao forno a 200 graus por 20 a 30 minutos, até que elas murchem. Reserve.

Lave o arroz, refogue uma cebola e cozinhe com o caldo. Fatie a cebola em lâminas e frite no azeite. Reserve. Na frigideira ou forno, toste as sementes de girassol, gergelim e caju. Atenção para não queimá-las, pois são muito delicadas.

Em uma panela, adicione o azeite, a outra metade do alho, e doure. Adicione as especiarias (açafrão, páprica, curry), o arroz cozido, as berinjelas e cebolas, e as sementes (gergelim, girassol e castanhas). Por fim, finalize com o coentro picado e o cheiro-verde. Está pronto!

Outras variações podem levar frutas secas, oleaginosas, carnes e outros alimentos.

“Plenitude em Pontos”, por Andréa Horn, em cartaz no Quintana

Em continuidade às ações culturais 2017 do Quintana, a casa recebe a mostra “Plenitude em Pontos”, por Andréa Horn, com direito a uma grande celebração à vida. A artista, que se encontra em um momento especial de sua carreira, retrata na arte o agradecimento por poder viver dela, e assim tocar aos outros com sensibilidade. A exposição, em cartaz desde o dia 17 de maio, terá vernissage aberta ao público no dia 27 de maio, data na qual os convidados poderão entrar no universo de Andréa por meio de sua presença, da gastronomia, da música e de suas obras.

Na noite do dia 27, a partir das 19 horas, o público poderá degustar um cardápio especial inspirado na artista, criado pela idealizadora e chef Gabriela Vilar, e executado pela equipe Quintana. Entre os destaques, o prato “conforto”, que relembra o calor de seus familiares – penne em ragu de carne e vinho tinto; e a “lembrança da avó”, sopa de capelletti em brodo de frango caipira. A noite terá ainda música pelo irmão da talentosa, Guto Horn.

A exposição marca a quarta grande exposição em cartaz no Quintana em 2017, com curadoria artística de Birgitte Tümmler, que já recebeu o fotógrafo Daniel Castellano, o artista plástico e ilustrador Rogerio Borges e o artista plástico Gilberto Narciso. Há 9 anos, o espaço fomenta ações culturais e sustentáveis em meio à gastronomia, e busca sensibilizar os clientes com estímulos sensoriais.

Serviço: “Plenitude em Pontos”, por Andréa Horn. Em cartaz entre 17 de maio e 5 de julho. Abertura oficial no sábado, 27 de maio, às 19 horas. No Quintana. Av. do Batel, 1440 – Batel – Curitiba. Informações e venda de ingressos antecipados: (41) 3078-6044. www.quintanagastronomia.com.br.

Dia das Mães – Encomendas e almoço no Quintana!

ENCOMENDAS e ALMOÇO NO QUINTANA – Dia das Mães – 14 de maio

Leve o #QuintanaEmCasa para sua celebração em família e tenha em sua residência sabor, saúde e criatividade, além de facilidade!

Encomendas até 12 de maio. Retirada no dia 14 de maio, às 11 horas. Pratos que exigem travessas para transporte e apresentação adequada devem ser entregues no Quintana até 12 de maio.

O cardápio também estará disponível na mesa gastronômica por R$ 59 por pessoa (livre, inclui sobremesas).

Entradas

  • Maionese de batata com camarões   R$ 89 / kg
  • Salada de feijões orgânicos da estação     R$ 89 / kg
  • Caponata de legumes com perfume de ervas   R$ 89 / kg

Principais

  • Pernil de cordeiro assado ao molho de vinho tinto e especiarias R$ 89 / kg
  • Cuscuz marroquino com castanhas, sementes e especiarias   R$ 89 / kg
  • Lasanha artesanal de cogumelos frescos e espinafre orgânico  R$ 89 / kg

Sobremesas

  • Cheesecake de chocolate branco com compota de frutas vermelhas  R$ 150 / unidade (12 a 15 fatias)
  • Docinho funcional de cacau vegano com cacau 100% orgânico, amendoim, frutas secas, coco ralado, chia, linhaça dourada e gergelim   R$ 32 ( 8 unidades)
  • Manjar de coco especial Quintana com calda de ameixas   R$ 89 / kg